Sobre Mim

Em 1963 aos 7 anos de idade descobri o modelismo  ao ganhar do meu pai um pequeno kit plástico de avião da marca Revell comprado na loja de brinquedos “Moderna” que ficava na esquina da Rua Augusta com Alameda Santos  aqui em São Paulo para quem se lembrar e for desta época.

Durante algum tempo fui plastimodelista sem grandes habilidades até começar a montar pequenos aviões movidos a elástico e planadores de mão das lojas Aero Brás e Mobral. Na sequencia passei aos aeromodelos de vôo circular como os Tamanco A e B, Manicaca, Paulistinha, Spitfire, algumas asas voadoras e um mini Nobler importado que nunca voou encerrando esta fase. Entre os motores que cheguei a usar uns eram os diesel da inconsistente WB… quem vai esquecer, ou os famosos Fox .19 e .35 e os pequenos .049 da marca Cox.Em cima desta micromecanica aprendi o suficiente para me aventurar, já no inicio da década dos anos 70, com os barcos que eram oferecidos por alguns veteranos.De posse do meu primeiro radio controle um Simprop alemão de dois canais  montei meu primeiro barco equipado com um motor O.S.35 H marinizado pela loja Mar e Ar e não parei mais.As fotos a seguir ilustram alguns destes modelos de época.

Durante o período que cursei Odontologia no campus da USP em Ribeirão Preto usava constantemente a oficina mecânica da faculdade para reparar um modelo deep Vee da marca Dumas Boats equipado com um  motor OPS. 60 speed sem pipa que eu utilizava no lago da faculdade de Biologia nos fins de semana…para o desespero do pessoal que tomava sol !

Em 1980 como membro e colaborador da associação paulista de pilotos de barcos radio controlados (APPBRC) com sede no lago do Ibirapuera eu competia na categoria FSR muito popular na Europa até os dias de hoje. Utilizavamos sómente modelos do tipo monocasco com hélice submerso como os Isotops, Silak 6 e 7 (foto abaixo), Skuai, Mastodonte,Hornet, MD entre outros equipados com motores das marcas Webra, OPS , Picco , O.S. e CMB.

12 001 1

Os combustíveis quase sempre  caseiros eram feitos muitas vezes no lago com metanol e óleo de rícino comprados em farmácias e sem nitrometano! As velocidades mal excediam os 60 km por hora e achávamos  tudo  aquilo o máximo! Nesta época também pratiquei automodelismo on road e off road, mas  prevaleceu a paixão por água .

Como sempre fui apaixonado por velocidade decidi  em 1983 construir meu primeiro hidroplano baseado  apenas nas fotos de um  ótimo artigo da revista Flying Models de 1976.

11 001 1

Era um  hidroplano chamado Crapshooter para motor. 60 que fazia sucesso nas provas americanas e até que a coisa ficou bonita, mas fazer aquilo andar foi desanimador. Era outra tecnologia, com outros conceitos e a falta de informações limitava minhas esperanças. Então mandei uma carta ao autor do artigo e para minha surpresa recebi a planta reduzida do projeto. Fiz outro modelo agora seguindo os moldes e coloquei um motor Picco .65 recém chegado dos EUA. Mesmo sem ter o hélice adequado fomos ao lago do Ibirapuera e depois de uma sessão de lago inesquecível o meu nautimodelismo mudou de rumo.

Em 1985 importei meu primeiro multicasco catamaran, um Popeye 50, da empresa norte americana Aeromarine Laminates equipado com um motor Picco. 80 que pode ser considerado o precursor do que se pratica até os dias de hoje.

14 001 copy

Logo depois inovei com outro catamaran da mesma empresa equipado com dois motores e a evolução tem seguido seu curso até os dias de hoje com os velozes hidroplanos.

18 001 1 19 001 1

Em 1989 decidi montar a GRSMODELBOATS paralelamente à profissão para atender as necessidades de um grupo que estava sendo formado e que felizmente mantém o nautimodelismo explosão ativo e espalhado pelo pais até os dias de hoje.

No inicio de 1997 tendo abandonado a carreira odontológica coloquei  em prática um antigo projeto ,a construção de uma pequena lancha  a partir de um simples bote infável (projeto Stephani), para o lazer da  família  e por dez anos comandei várias aventuras . Em 2008  por sugestão dos meus filhos desenvolvi  skates de fibra de vidro e criamos a S3* skateboards com resultados muito interessantes.Após um breve periodo afastado das atividades navais novos projetos e produtos estarão sendo desenvolvidos e apresentados neste site como esta rigger elétrica equipada com dois motores brushless.

005 a(6)

Decisões são sempre difíceis de serem tomadas, mas mais importante do que isto é buscarmos nossos ideais e transformá-los em felicidade que divido entre a praia, os modelos e sobretudo a familia.

O modelismo de uma maneira geral além de nos proporcionar momentos inesquecíveis de conquista e satisfação pessoal fortalece nosso espírito com disciplina e criatividade e nos torna atemporais preservando uma alegria interior inexplicável… a alegria da infancia eterna !

BIG TOYS FOR BIG BOYS

Gill Roland Sonsino